Desafio Jovem Bom Pastor Sapucaia do Sul, RS | O Sonho

Desafio Jovem Bom Pastor Sapucaia do Sul, RS | O Sonho





 ASSOCIAÇÃO DE DIFUSÃO DE EVANGELHO E INCLUSÃO SOCIAL


 Esta Voltada para Dependentes Químicos - Álcool e outras Drogas.

Tudo era apenas um sonho da Presidente da Instituição (Ir Laura), até que transformou-se em realidade no ano de 2010. É resultado da proposta de união de forças com pessoas interessadas em desenvolver ações que incidam na prevenção, tratamento e redução do índice de dependentes químicos na cidade nesta região. O trabalho desde então, consiste em desenvolver ações sérias, com acolhimento humanizado, escuta e atenção total, orientação de profissionais e técnicos que visam trabalhar na recuperação e ressocialização de dependentes químicos. O objetivo principal é minimizar a desigualdade social. Temos atendimento psicossocial efetuado no próprio espaço da instituição, onde um psicólogo altamente capacitado reforça a busca da recuperação e da auto-estima. Atendimento na área da assistência social é, onde executamos orientação e integração nos meios de acesso aos bens e serviços, solicitação de documentos, encaminhamentos ás redes de atendimentos e o trabalho desses profissionais resultam na preparação para o retorno ao convívio familiar e para o mercado de trabalho. O acolhimento é diferenciado na possibilidade de reintegração com a família, pois visa à segurança e saúde da família para a reaproximação. Na proposta de ressocialização temos também o trabalho com a espiritualidade, onde no decorrer da semana os internos participam de dinâmicas e estudos bíblicos na companhia de um Pastor Evangélico. Os internos contam também com uma técnica de enfermagem que se dedica ao acompanhamento dos tratamentos e controle de medicações. Os internos participam também de atividades laborais com proposta de capacitação para o mercado de trabalho informal. O trabalho não é fácil, principalmente por estarmos lidando com a demanda que na verdade todo município possui, porém alguns se negam a enxergar. A Dependência química é desencadeante de fatores da violência doméstica, social e criminal. A necessidade de ações que incidam diretamente no tratamento desse quadro se faz crescente a cada dia. É preciso unir forças no sentido de olhar o dependente químico que deseja tratamento como um ser doente e que precisa de ajuda, para quem sabe no futuro tornar-se um multiplicador capaz de ensinar aos jovens que a melhor forma de combate é a prevenção. O trabalho é árduo, nossa maior barreira ainda é o preconceito. A prioridade é aceitar carinhosamente aqueles que batem a nossa porta, sozinhos ou com algum parente em desespero por ajuda. Trata-se de um trabalho difícil onde a questão é também de SENSIBILIZAR esse indivíduo para que perceba a importância do tratamento para si e para seus entes queridos e a partir desse momento sim, desperte uma consciência renovada e torne-se um multiplicador. Quem sabe desta forma, estaremos devolvendo a esses sujeitos à perspectiva de uma vida feliz com sua dignidade restituída na raiz e a certeza de viver com respeito conquistado verdadeiramente sem medo, sem dor e sem preconceito. Quem sabe não seja esse o verdadeiro Resgate Social. 
“A instituição e os moradores dela agradecem o seu carinho e apreço pela causa!”

Curta nossa página no Facebook:
 http://www.facebook.com/desafiojovembompastor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages