LEMBRANDO DE VOCÊ



Está tudo muito confuso. As palavras se secaram. Os sentimentos se aborreceram. O sol já não brilha mais. Os teus olhos, já não dizem mais a verdade. Seus lábios traem os meus.E minhas lágrimas, caem como uma triste garoa. Sem luz, sem perfume, sem nada.Esperei anos para chegar o dia de te encontrar, e hoje, estou sem respostas. Não sei se está comigo, se ainda me quer, se precisa de mim o tanto que eu preciso de você... É como se o teu chão, tivesse caído. Como se teus pés, já não quisessem mais andar... É como eu estou agora, sem ter a tua companhia!
“Mas eu nem sei como dizer nem descrever o que eu senti... 






Nas noites em que eu não dormi e que virei, lembrando de você. ♪”



http://contosdeamorsobreumcadaver.blogspot.com.
.
.
.
.




     



.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages